Notícia

Público brasileiro aprende o segredo das empanadas que vêm da Argentina
Chef Ana Massochi convidou participantes do Cozinha Show a colocarem a mão na massa - Crédito: Produtora Nova Ideia

Público brasileiro aprende o segredo das empanadas que vêm da Argentina

sexta, 09 de novembro 2018
Chef Ana Massochi, proprietária de restaurantes em São Paulo, participou do Cozinha Show Argentina
“Nada melhor do que colocar a mão na massa”, diz o dito popular. E foi assim que o público que se inscreveu para assistir ao Cozinha Show Argentina aprendeu a fazer as famosas empanadas da chef Ana Massochi, proprietária dos restaurantes Martín Fierro e La Frontera, na capital paulista. “Eu não falo muito e não vou ficar cozinhando sozinha, então vocês vão colocar a mão na massa”, convidou Ana.  O evento se realizou na quinta-feira (8) na cozinha da Unibes, como parte da programação do Mercado das Indústrias Criativas do Brasil (MicBR).

Todos os ingredientes já estavam na mesa para começar o preparo. A chef lembrou que a carne utilizada na empanada argentina é a maminha brasileira. “O segredo da empanada é a carne picada e o que dá o suco dela é a cebola”, afirmou Ana. Outro detalhe importante sobre a carne é deixá-la repousando de um dia para o outro antes de rechear a empanada; quando for levada ao forno, o suco será absorvido", completou. 

Conversando com os participantes, a chef argentina pegou o rolo e começou a abrir a massa e pouco a pouco todo o mundo estava ali com ela amassando e fechando as empanadas. Parecia que era a cozinha de casa. A massa apresentava uma  textura fina e macia. 

Enquanto os presentes ajudavam a amassar e fechar as empanadas, Ana se mostrou curiosa em saber o interesse do público em participar do encontro. "Morei na Argentina”, respondia uma. "Sei fazer empanadas e queria ver a sua”, outro completou. A chef tirou dúvidas, explicou detalhes da receita e, em minutos, todos puderam provar o "resultado" e até mesmo levar para casa. 

Ana Massochi veio para São Paulo há 40 anos para escapar da ditadura de seu país. No Brasil, começou a trabalhar com empanadas em um local improvisado, uma garagem, com o sócio Martín Fierro. A sociedade cresceu e virou um restaurante. Cerca de 80% das carnes usadas nas duas casas são argentinas. Só no Martín Fierro, são vendidas 7 mil empanadas ao mês. A de carne é a mais procurada, mas as de queijo, frango e palmito, também fazem parte do cardápio.

Sobre MicBR:

Para quem se interessa sobre gastronomia, o evento ainda tem hoje (9) a “Cozinha Show Equador”. Confira a programação completa em micbr.cultura.gov.br.

O MicBR é organizado pelo Ministério da Cultura (MinC) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), em parceria com a Organização de Estados Ibero-americanos (OEI).

Imprensa 
Data: de 5 a 11 de novembro
Contatos: (61) 99838.1583 / (11) 98652.6419 
Local: Centro Cultural São Paulo (Rua Vergueiro, 1000), São Paulo-SP